BLOG
ilustra-8-metricas-p2
Geral

8 métricas que você precisa acompanhar nas campanhas de e-mail (parte 2)

Já mostramos aqui a primeira parte das dicas que separamos para ajudá-lo a compreender e melhorar suas campanhas de email marketing. Para relembrar, as métricas apresentadas foram:

1. Taxa de entrega;
2. Taxa de rejeição (bounce rate);
3. Taxa de abertura (open rate);
4. CTOR (click to open rate);

Veja agora outros quatro pontos que você precisa acompanhar:

5. Taxa de cliques (CTR – Click Trough Rate)

O CTR é a razão entre o número de cliques únicos e o número de mensagens enviadas em uma campanha. Ele ajuda a apontar a relevância da campanha disparada e a efetividade da ação feita por esse canal. Um CTR baixo pode indicar, por exemplo, problemas relacionados ao call-to-action usado na mensagem, que o conteúdo mostrado não é atrativo o bastante, dentre outros.

6. Opt-out (unsubscribe rate) e taxas de reclamação (complaint rate)

O número de opt-outs (também chamado de unsubscribe rate) é a quantidade de pessoas que pediram para não receber novamente emails de um determinado remetente. Deixe sempre visível o link para o unsubscribe – é melhor que as pessoas apenas saiam do seu mailing sem reportá-lo como spam (complaint rate). Quando alguém sai da sua lista infelizmente você perde contato com uma pessoa, mas quando começam as reclamações por spam o seu domínio tem a reputação prejudicada e você perde a oportunidade de alcançar todos os outros usuários da sua base.

As reclamações também podem estar ligadas ao número excessivo de mensagens enviadas, a um opt-out que não funciona, a ofertas não cumpridas, etc.. Também certifique-se de enviar suas campanhas para pessoas que aprovaram anteriormente o recebimento, ou seja, deram opt-in. Caso contrário, o número de pessoas insatisfeitas pode aumentar. Fazendo uso das boas práticas e entregando conteúdo relevante para seus consumidores, você diminui a chance de ter usuários cancelando a inscrição da sua newsletter ou pior, reportando como spam os emails recebidos.

7. Taxa de conversão (Conversion rate)

É a razão entre o número de conversões e a quantidade de cliques únicos no email marketing disparado. O que define o que é ou não uma conversão pode variar de acordo com o objetivo da campanha. Se você tem um e-commerce, pode considerar que conversão = compra realizada. Se, por exemplo, o seu objetivo é que as pessoas baixem algum conteúdo que você produziu, cada download desse material pode ser considerada uma conversão. No caso do email marketing, a conversão pode ser uma compra realizada após um clique na mensagem recebida pelo usuário.

Se você quiser saber mais sobre taxa de conversão, confira o nosso ebook: “Taxa de Conversão – Você realmente entende?”

8. Receita por email enviado (Revenue per email)

É a razão entre receita gerada (por email marketing) e emails enviados. Tem grande importância pois pode apontar a falha ou o sucesso na sua estratégia de vendas. No final das contas, esse indicador é o efeito de todas as outras métricas relacionadas a uma campanha de email marketing.


Continue acompanhando o nosso blog e veja mais dicas sobre email marketing. E se você tiver alguma dúvida sobre os indicadores abordados, nos avise! =]